Baja TT do Pinhal – Troféu Can-Am Maverick

Estreante Sérgio Batista em destaque na participação do Benimoto Racing Team na Baja TT do Pinhal

A presença do Benimoto Racing Team na Baja TT do Pinhal que se disputou este fim de semana em Proença-a-Nova, Sertã e Vila Velha de Rodão foi uma vez mais extremamente positiva. A equipa voltou a apoiar um vasto leque de pilotos e a prestar um excelente serviço à modalidade.

Em destaque entre as sete equipas Benimoto que se apresentaram à partida da prova beirã – todos aos comandos de Can-Am Maverick X3 – esteve o estreante Sérgio Batista. Na sua primeira corrida aos comandos de um SSV, o ex-campeão nacional de Trial alcançou um brilhante 8º lugar absoluto nesta supercompetitiva disciplina ao qual juntou a vitória na classe Promoção, e o 2º lugar do Troféu Can-Am Stock.

Infelicidade para Nuno Fontes, que era terceiro a poucos quilómetros do final quando um contratempo o fez perder cerca de 20 minutos perdendo naturalmente diversas posições. O ex-piloto auto terminou na 11ª posição absoluta e conseguiu ainda assim alcançar assim o 3º lugar entre os veteranos, o 7º lugar do Troféu Can-Am Maverick Open.

Na sua segunda corrida em SSV também Nelson Caxias, ex-vice-campeão Quad, esteve em destaque. Depois do atraso na etapa inaugural que o empurrou para a 30ª posição absoluta conseguiu graças a um espetacular 6º tempo na derradeira etapa recuperar 13 posições terminando em3º lugar da classe Promoção e no 9º lugar da Classe Open do Troféu Can-Am.

Habituado às pistas brasileiras e a ser acompanhado por um navegador, Daniel Mahseredjian disputou efetivamente a sua primeira prova em Portugal já que os escassos quilómetros percorridos em Góis não lhe permitiram adaptar-se às pistas nacionais. Na Baja TT do Pinhal foi evoluindo de forma gradual e depois de um 40º lugar no prólogo concluiu a prova na 21ª posição.

Na sua primeira temporada de SSV depois de uma estreia tardia nas motos, Luís Miguel Cunha manteve ao longo de toda a corrida um andamento muito vivo que foi prejudicado por um contratempo que o fez perder bastante tempo. Destaque para o excelente 6º tempo na City Stage onde foi o mais rápido dos pilotos inscritos pelo Benimoto Racing Team.

Não concluíram a prova o regressado Mauro Silva e a dupla Filipe Cameirinha Ramos/Nuno Cavaco. A dupla alentejana de Beja estava prestes a repetir um lugar no Top 10 final rolando em 9º da geral quando, já quase no final do derradeiro troço, uma saída de pista ditou o seu abandono.

Andamento muito forte era também o de Mauro Silva que fez o 11º tempo na 2ª etapa, mas que acabaria por ser obrigado a desistir no início do derradeiro dia de prova.

A Benimoto Racing Team regressa às competições a 13 e 14 de abril para disputar a Baja TT de Loulé, terceira jornada do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno.

Fonte:
A2 Comunicação (Pedro Barreiros)